PROPEGI orienta docentes da UPE a respeito de bolsas de produtividade oferecidas pelo CNPq

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), lançou chamadas para concessão de bolsas de Produtividade em Pesquisa (PQ) e de Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT).

É uma oportunidade para os docentes da Universidade de Pernambuco. Juntas, são cerca de R$ 300 milhões de investimento total no pagamento das bolsas, ao longo de suas vigências.

A submissão de propostas está aberta e vai até 7 de julho de 2022. O resultado final deve ser divulgado em fevereiro de 2023.

As Bolsas PQ são compostas de duas categorias: 1 e 2. Para estar apto a receber Bolsa na Categoria 1, é preciso ter obtido título de doutor ou livre docente até o ano de 2014. Para a Categoria 2, ter obtido título de doutor ou livre docente até o ano de 2019.

Acesse a chamada na íntegra e os critérios em http://memoria2.cnpq.br/web/guest/chamadas-publicas?p_p_id=resultadosportlet_WAR_resultadoscnpqportlet_INSTANCE_0ZaM&filtro=abertas&detalha=chamadaDivulgada&idDivulgacao=10628

Já as Bolsas DT valorizam a produção em desenvolvimento tecnológico e inovação. As Áreas Tecnológicas abordadas nessa Chamada são: Tecnologias Médicas e da Saúde, Tecnologias Agrárias, Biotecnologia, Meio Ambiente e Sustentabilidade, Tecnologias Sociais e Educacionais, Tecnologias Digitais, Tecnologias de Materiais, Tecnologias de Produção Industrial e de Serviços, Energia.

Também concedidas em duas categorias, as Bolsas DT de Categoria 1 são destinadas a pesquisadores(as) que possuem oito anos, no mínimo, de doutorado, por ocasião da implementação da bolsa ou pelo menos 10 anos de experiência em atividades de desenvolvimento tecnológico e em atividades de extensão inovadora e de transferência de tecnologia.

Para as de Categoria 2, os(as) pesquisadores(as) devem possuir três anos, no mínimo, de doutorado por ocasião da implementação da bolsa ou pelo menos cinco anos de experiência em atividades de desenvolvimento tecnológico e em atividades de extensão inovadora e de transferência de tecnologia.

Acesse a chamada na íntegra e os critérios em http://memoria2.cnpq.br/web/guest/chamadas-publicas?p_p_id=resultadosportlet_WAR_resultadoscnpqportlet_INSTANCE_0ZaM&filtro=abertas&detalha=chamadaDivulgada&idDivulgacao=10624

ATENÇÃO:
A Pró-Reitoria de Pós-graduação, Pesquisa e Inovação (PROPEGI) da UPE disponibilizou serviços para ajudar nas inscrições.

Deseja solicitar declaração de conclusão de iniciação científica ou tecnológica? Preencha o formulário disponível em: https://forms.gle/RDzx24wPG8a6qhfZA

Está com dúvida/problema em relação ao SISPG? Consulte o arquivo disponível em: http://www.upe.br/anexos/propegi/pesquisa/documentos/DUVIDAS_SISPG_oficial.pdf

PROEC lança edital para publicação de coletânea reunindo obras literárias de docentes, técnicos e alunos da UPE

Autores de crônicas, poemas e contos que sejam estudantes, docentes e/ou técnicos/as da Universidade de Pernambuco podem ter suas obras publicadas no e-book "Tempo de Contar".

A coletânea reunirá textos em tema livre que forem selecionados no edital lançado nesta quarta-feira (18) pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC/UPE).

As inscrições gratuitas podem ser feitas até o dia 31 de agosto através de formulário online disponível neste link: https://forms.gle/YqCyEidyr58wQe7p8

Cada autor poderá enviar até três obras literárias, mas apenas um produto de cada modalidade será classificado.

Segundo o edital, os resultados serão divulgados no dia 23 de setembro.

Os autores selecionados receberão certificados emitidos pela PROEC. O e-book será lançado pela Editora da Universidade de Pernambuco (Edupe) até 15 de dezembro.

Dúvidas poderão ser encaminhadas ao e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Confira o edital: http://www.upe.br/edital-sele%C3%A7%C3%A3o-de-produtos-liter%C3%A1rios-tempo-de-contar-2022.html

PROEC convoca estudantes da UPE interessados em se inscrever na seleção de bolsista para o Lócus de Inovação Socioambiental

Termina na quarta-feira (18) o prazo para estudantes da Universidade de Pernambuco se inscreverem no edital que vai conceder bolsa de R$ 500 pelo período de 13 meses aos selecionados do Lócus de Inovação Socioambiental.

Formulário para inscrição: https://forms.gle/K15m5nUYx4YtVq167

A iniciativa é da Pró-reitoria de Extensão e Cultura (PROEC/UPE) e envolve o desenvolvimento de um Ecossistema de Inovação Socioambiental na Região Metropolitana no Recife com os seguintes parceiros: Associação da Imprensa de Pernambuco (AIP), CESAR School, Rede LIVRE Academy e Universidade Católica de Pernambuco (Unicap).

O(A) bolsista selecionado(a) será integrado(a) às equipes de trabalho constituídas por colaboradores(as) das organizações desta aliança estratégica.

Ele(a) participará de encontros regulares, reuniões, imersões, oficinas e apresentações de propostas pelas equipes de trabalho formadas pelos proponentes do projeto.

O período de atuação será de 1º de junho de 2022 a 30 de junho de 2023. O benefício concedido será uma bolsa BFI (Facepe).

Entre as ações previstas estão: mapear atores da comunidade situadas nos territórios do projeto (Beberibe, Santo Amaro e Comunidade do Pilar), desenvolver projetos de extensão e pesquisa por meio da instalação de laboratório climático e orientar a criação e o desenvolvimento de negócios de impacto.

Podem se inscrever estudantes da UPE regularmente matriculados, a partir do 2º semestre e no máximo no antepenúltimo semestre do curso, com possibilidade de frequentar atividades presenciais na Região Metropolitana do Recife.

Outro requisito é não possuir qualquer outra forma de bolsa universitária.

Mais informações, consulte o edital:
https://drive.google.com/file/d/1nvVN76uwzxGfTU5d4ePjtkMcuTvvPHte/view?usp=sharing

Campus Mata Norte da UPE abriga aula espetáculo sobre Bloco Rural Estrelinha, patrimônio cultural de Nazaré da Mata

Fundado em 15 de março de 1962, o bloco rural Estrelinha é tema de aula espetáculo que vai ocorrer às 19h da quinta-feira (19), em Nazaré da Mata, na sede do Campus Mata Norte (@upecmn) da Universidade de Pernambuco.

O evento "Na batida do bloco rural" faz parte de uma parceria da Coordenação Setorial de Extensão e Cultura do campus com a equipe do Re(E)xistência: Projeto de Manutenção do Bloco Rural Estrelinha.

As aulas espetáculos e também oficinas programadas ao longo de 2022 têm o objetivo de divulgar a agremiação e arrecadar recursos para garantir que ela continue de portas abertas na comemoração dos seus 60 anos de brincadeiras, vivências e manutenção de valores ancestrais.

O Estrelinha é o único bloco rural da cidade de Nazaré da Mata, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, que mantém uma tradição nascida em meio aos canaviais e terreiros dos antigos engenhos.

Mais informações podem ser obtidas no perfil oficial no Instagram: @blocoruralestrelinha

Reitoria em Ação apresenta realizações e perspectivas da UPE para comunidade acadêmica da Escola Politécnica

 

A comunidade acadêmica da Escola Politécnica da Universidade de Pernambuco (Poli/UPE) recebeu na manhã desta sexta-feira (13) a Reitoria em Ação, iniciativa em que a reitora Socorro Cavalcanti e equipe visitam as unidades de ensino da UPE para discutir questões de interesse de professores, servidores e alunos da instituição.

Por duas horas, integrantes dos cursos de graduação e pós-graduação tomaram conhecimento das ações realizadas pela reitoria durante o período mais crítica da pandemia de Covid-19 e puderam esclarecer dúvidas a respeito de assuntos mais ligados à Poli/UPE.

Como fez nas unidades de ensino já visitadas nesta retomada da Reitoria em Ação - Instituto de Ciências Biológicas (ICB), Campus Arcoverde, Campus Garanhuns e Campus Mata Sul - a reitora Socorro Cavalcanti fez uma exposição de como a Universidade de Pernambuco atuou durante esta "travessia".

Em relação à Poli, ela lembrou a participou da unidade na fabricação de faceshields (máscaras de proteção facial) para uso no Complexo Hospitalar da UPE. Também elogiou o engajamento dos professores no processo de transição para o ensino completamente remoto em virtude das novas regras sanitárias.

"A Poli tem uma participação muito forte na UPE em relação à inovação tecnológica. Graças aos seus docentes, houve um incremento na busca por bolsas de iniciação científica. A Poli tem uma presença muito forte nas atividades de extensão e de fortalecimento acadêmico", ressaltou Socorro Cavalcanti.

De acordo com a reitora, uma demanda da Poli e de outras unidades da UPE está perto de ser concretizada: a internet de alta velocidade. Recursos financeiros já estão assegurados para esta nova fase da universidade.

A equipe que integrou a Reitoria em Ação na Poli foi composta pela vice-reitora Vera Gregório, pelos pró-reitores Ernani Martins (Graduação), Luiz Alberto Rodrigues (Extensão e Cultura), Acaziele Diniz (Desenvolvimento de Pessoas) e Vera Samico (Administração e Finanças), além do coordenador geral de Pós-graduação Byron Leite.

Na próxima semana, a Reitoria em Ação será realizada no Campus Salgueiro (de forma virtual) e na Faculdade de Administração e Direito da Universidade de Pernambuco (FCAP).

Após a escuta de todos que fazem a UPE, a reitoria vai encaminhar um documento aos candidatos ao governo do estado sobre os investimentos necessários para a constante expansão da universidade.